(73) Sonho

Entretanto, um pouco

meu sonho era viver

uma vida simples

direito a café da manhã

a cheiro de jornal

e livros para mudar de páginas

almoço com cores

sabores e companhia

gente ou só a gente

música e pássaros

cantos e poemas

tardes de vento e chuva

ou por do sol vermelho

mais uma mesa de chá

e biscoitos

abraços, quem sabe beijos

de olá e de fica aqui

noites serenas de lua cheia

noites de jantares tardios

e bagunça sob os lençóis

suor, amor e mordidas

mas meu sonho

fará mais sentido

se sempre acordar

as manhãs sob teu olhar

Ver o post original

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s